Sejam bem-vindos(as) e sintam-se convidados(as) a participar do blog Filósofo dos Livros com sugestões, comentários, críticas, dúvidas, compartilhamentos ou só com um “oizinho” de vez em quando!

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Cinco Anos - Autora Cristiane Broca - Resenha

Olá Criaturas do Mundo da Leitura!
"Onde você se imagina daqui a cinco anos? " - Essa é a pergunta fundamental que encontramos no livro Cinco Anos da escritora brasileira Cristiane Broca.
Esse foi um livro que li bem devagar. Não conseguia acelerar de forma alguma. Livro chato? Não, o livro não tem nada de chatice, mas se trata de uma leitura super agradável e que nos leva à profundas reflexões. Por esse motivo, cada trecho deve ser lido de maneira pausada para podermos refletir sobre as questões propostas.
Cinco Anos é a história de Ângela, uma jovem jornalista, que mora na cidade brasileira de Guaratinguetá. Por ocasião de uma visita do Papa Bento XVI ao Brasil, Ângela conhece outro jornalista chamado Marcos. E em meio a eventos na cidade de Aparecida, a amizade entre os dois se aprofunda. Só não surge um relacionamento amoroso com profundidade, pois ambos têm um certo medo de compromissos. Dos diálogos entre Ângela e Marcos, surge um questionamento feito pelo rapaz a moça: "Onde você se imagina daqui a cinco anos?"
Da questão anterior é que se desenvolve o enredo da história. O livro vai mostrando a vida dos personagens durante cinco anos. Algo bem interessante é que os personagens trazem questões universais acerca da vivência humana que falam sobre amor, paixão, segurança financeira, morte, etc.
Eu me identifiquei bastantes com as questões lançadas no livro e a cada momento, fui obrigado a parar para refletir sobre minha própria vida. Embora, os personagens fossem fictícios, os questionamentos nos tocam por realmente fazerem parte da vida de cada pessoa.
Senti que a autora Cristiane Broca foi muito feliz em sua narrativa por conseguir captar as questões essenciais de nossas vidas e fazer com que nos sentíssemos próximos aos fatos. Ângela e Marcos são ícones perfeitos para homens e mulheres da atualidade que vivem em meio as inseguranças e correrias do mundo cotidiano.
A autora consegue fazer com que reflitamos sobre aquelas questões tão íntimas que não encontramos palavras exatas para explicá-las. São questionamentos que devem ser  sentidos e transformados em ações concretas. Creio que as sensações que tive ao ler essa obra, só poderão ser realmente entendidas por aqueles que também realizaram a leitura do livro
É impossível fazer uma resenha técnica desse livro, pois seu aspecto vivencial não se enquadra em descrições frias. O livro de Cristiane Broca é para ser experienciado e vivenciado. Pelo menos, em minha vida, o livro surgiu no momento certo, possibilitando um maior conhecimento a respeito de minha personalidade.
Um dos trechos que mais impressionou no livro foi:
"Tudo o que passamos faz parte da vida, mas ninguém entende isso. Queremos controlar tudo, quando a verdade é que não há controle algum. Não está em nossas mãos mudar o destino, mas vivê-lo da melhor forma quando ele nos alcançar."
Acredito que pessoas inteligentes não terão dúvida em realizar a leitura dessa obra. Então, se você for realmente inteligente, clique aqui para adquiri-lo.
E se você já leu o livro, deixe sua opinião nos comentários para que nós possamos trocar algumas ideias. Eu adoro saber o que as pessoas pensam sobre os livros aqui citados.
Beijo no coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para mim.
Deixe sua opinião, pois vou amar saber o que você pensa!