Sejam bem-vindos(as) e sintam-se convidados(as) a participar do blog Filósofo dos Livros com sugestões, comentários, críticas, dúvidas, compartilhamentos ou só com um “oizinho” de vez em quando!

domingo, 27 de setembro de 2015

Resenha: O Príncipe Congelado - Raigor L. Ferreira

Simplesmente descongelante!!!
Acabei de concluir a leitura do livro "O Príncipe Congelado". Confesso que fiquei surpreendido com a escrita do autor. Num conto de apenas 8 páginas, Raigor L. Ferreira conseguiu passar uma linda mensagem. O livro é altamente poético e nos leva a refletir sobre todas as coisas que podem esfriar o coração humano.
O Príncipe Phelipe passa por determinadas situações que o levaram a se tornar uma pessoa fria. Ao enxergar a frieza dele, passamos a pensar sobre as coisas que nos levam a nos tornamos frios. É incrível que através de uma linguagem infantil, o autor conseguiu alcançar uma profundidade imensa. Sua escrita é notável. Acredito que pela simplicidade de sua narrativa, algumas pessoas poderão achar que o livro é bem bobinho, porém se engana quem pensa dessa forma. A construção literária de Raigor não é ingênua de maneira alguma. Mergulhando em suas palavras, entramos num processo de autoconhecimento. 
Não posso dar mais detalhes sobre a história para não cometer spoiler, porém posso dizer que a reflexão que fiz também me ajudou a superar algumas friezas instaladas em meu coração. 
A minha surpresa foi que não demorei nem 10 minutos para terminar a leitura, mas fui tocado de uma maneira surpreendente. Foram poucos minutos que me causaram um imenso prazer e alegria. Com toda certeza, posso dizer que essa bela leitura é recomendadíssima, especialmente para o momento atual onde homens e mulheres estão imensamente individualistas e congelados. 
O livro "O Príncipe Congelado", se bem refletido, pode nos levar ao descongelamento de nossas emoções e nos tornar seres imensamente amorosos. 
A única coisa que lamento é não ter a versão física desse livro. Creio que uma publicação com ilustrações daria um livro lindo. Imagino um livro com ilustrações ao estilo da capa do mesmo. Até sonho com essa versão física. Parabenizo o autor Raigor pela sua maravilhosa obra!
Para adquirir a obra, clique aqui.
Dei Cinco estrelas no Skoob. Vocês também pode avaliar o livro, clicando aqui.
E vocês já leram o livro? Conte a sua experiência para mim!

4 comentários:

  1. Que legal, adorei a resenha, adorei a capa, adorei por ser 8 páginas, pois a verdade é, para se passar uma mensagem não é necessariamente obrigatório, várias e várias páginas, que muitas vezes desviam a atenção do leitor da mensagem central. Vou adquirir, com certeza.

    Estou adorando conhecer meus amigos escritores nacionais que ainda não tem um grande prestígio e reconhecimento. Cada dia mais, com as entrevistas e resenhas nos meus blogs e amigos parceiros, eu aprendo um pouquinho mais com cada um. Isso me faz sentir-me tão feliz e triste ao mesmo tempo, por saber que existem muito talentos em cada canto mas que ainda não se dá o devido valor para cada um. Porém, estamos todos nessa grande luta. PARABÉNS RAIGOR, admiro-te. Pense na versão física, ficaria mesmo muito bom!

    Parabéns meu amigo Fernando, por mais esta resenha incrível. E desculpe-me, às vezes falo muito mas as palavras acabam vindo e necessito transcrevê-las aqui. Abraço a todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Obrigado, Léo Otaciano!
      Eu agradeço suas palavras!!!

      Excluir
  2. Pena que não tem a versão física pois quero ler, adorei a história, mesmo você não contando muito.Parabéns ao escritor pela história linda e a você pela resenha maravilhosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, não temos a versão física. Isso é triste, rs..

      Excluir

Seu comentário é importante para mim.
Deixe sua opinião, pois vou amar saber o que você pensa!