Sejam bem-vindos(as) e sintam-se convidados(as) a participar do blog Filósofo dos Livros com sugestões, comentários, críticas, dúvidas, compartilhamentos ou só com um “oizinho” de vez em quando!

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Resenha de "Eu, Inabalável", de Josué Matos, Editora PenDragon

Josué Matos devora seu livro!
Olá Amigos!
Trago para vocês a resenha de um livro espetacular. Um livro que tem uma história perfeita como centralidade e desenvolve temas paralelos de forma magistral. Tal obra contém duas características que me atraem fortemente:
- O Mistério que estimula minha curiosidade;
- A Reflexão Filosófica que me leva a pensar sobre atitudes e comportamentos. No caso, específico da obra, temos uma questão que merece destaque: "Até onde você iria por vingança?"
Estou falando de "Eu, Inabalável", de Josué Matos, publicado pela Editora PenDragon.
A narrativa, sendo instigante, prendeu-me pela curiosidade. Promoveu-me fortes emoções. Muitas pessoas mencionaram a excelência do livro, porém nenhuma tinha conseguido desvelar a qualidade primorosa da obra. Aliás, esse é um dado que só descobrimos ao passar pela experiência de leitura.
É verdade o que falei anteriormente, "Eu, Inabalável" inclui em suas páginas um bom mistério. Além disso, é notório que o autor não se prende apenas a essa característica. Ele vai mais além e nos propõe diversas possibilidades aprazíveis de leitura. Nessas possibilidades, encontramos o elemento de reflexão. Repito um exemplo que a questão: "Até onde você iria por vingança?"
Antes de dar prosseguimento ao conteúdo da obra, vou fazer uma pequena pausa. Através do vídeo abaixo, mostro a beleza do livro: 
video

Magnético é o adjetivo que me veio a mente quando penso em minha experiência com a obra. O estilo de Josué tem uma elevada força de atração. Que estilo perfeito é esse? Derramo lágrimas de emoção, quando tento responder o questionamento feito agora.
Quando vocês lerem o livro, entenderão o que significa ter o Dom da Escrita. Josué vai além dos limites da capacidade intelectual humana, porque seu dom é mágico. Em seu livro, fica evidente que sua peculiar narrativa trazem palavras verdadeiramente nascidas de seu coração e que envolvem sua alma.
O primeiro capítulo nos aponta um assassinato:

"Alan tombou pesado. Ainda teve tempo de balbuciar um por quê? O assassino de um passo atrás:
- Essa é a melhor maneira de provar meu amor."

Esse trecho foi fundamental para aprisionar minha atenção de uma forma bem estimulante. Logo, de cara, ficamos curiosos em saber quem é esse "amor".
Percebi um estilo tremendamente poético presente na cena do assassinato:

"Finalmente sentiu outra estocada no coração, e com ela uma certeza branda de que a dor e o sofrimento logo acabariam. O assassino não sorria, não esboçava outro gesto, seus olhos eram o próprio terror. Eram a morte, e tudo o que ela podia aliviar. Alan teria sorrido da ironia, se pudesse. E estava finalmente morto."

A parte citada me causou admiração pela maneira sublime que o termo coração foi tratado. Ele escreveu dando um sentido dúbio, equívoco e bem amplo à essa palavra. Não foi apenas o coração físico que recebeu o golpe da lâmina. Alan estava sendo ferido em seus sentimentos e dignidade. O jovem foi atacado naquilo que era o maior símbolo de doação para ele: sua capacidade de amar. Infelizmente, essa capacidade não teve respaldo.
Definitivamente, o autor já me conquistou pelo magnânimo início de seu livro. Suas palavras aclararam meu entendimento e deram-me a certeza de que ficaria fortemente impressionado pelo seu livro. Nesse sentido, minha intuição não falhou.
Quando tomo posse de um livro como esse,
a resenha é feita com muito mais amor e paixão.
Quando tomo posse de um livro como esse, a resenha é feita com muito mais amor e paixão. Não há como realizar um escrito meramente analítico. Peço desculpas em estar sendo falho quanto a isso. Mas meu amor pela obra foi crescendo tanto durante a leitura que estou impossibilitado de resenhar de um jeito frio e esquemático.
O livro de Josué Matos tornou-se carne em minha carne. A obra é alma em minh'alma. O livro é incrivelmente envolvente. Preciso de livros como esse tal qual o ar que respiro. Tentar realizar uma resenha analítica faria me sentir como um robô. Entre a beleza de um ser humano e a frieza de um robô, optei por manter vivo. Quero agarrar a força viva da obra com unhas e dentes.
Josué Matos, através de sua escrita, fez-me ter uma experiência orgásmica literária. O autor abordou diversos temas dentro do livro: pedofilia, violência sexual, preconceito, tráfico de drogas, rejeição, homofobia, adoção gay, conflitos familiares e diversas questões sobre a homossexualidade.
Muitas vezes senti que a investigação do assassinato era um elo de ligação que permitia transcorrer pelos diversos temas dentro do panorama nacional que foram citados no parágrafo anterior.
Escrever sobre esse livro não deixou de ser um processo angustiante, porque fiquei preocupado em demonstrar a força da leitura que realizei. Noto que tudo que falo sempre é pouco diante da grandiosidade do livro. Algumas pessoas poderão me acusar de estar sendo apenas um garotão empolgado e superficial. Porém, se lerem o livro, mudarão a opinião.

Somos Knights das Letras

Eu fiquei tão apaixonado pela história de Leonardo que investiga a morte de seu irmão para realizar uma vingança que o meu intento era realizar a melhor resenha de minha vida.
Queria escrever o registro perfeito da admiração relacionada ao autor. Peço o infinito perdão por falhar. Quero confirmar que Josué Matos adquiriu um fã no sentido pleno da palavra. Falou que é livro de autoria de Josué Matos, já estou lendo, rs...
Para finalizar (senta que a finalização vai ser demorada, rs....), creio que leituras de autoria como Josué Matos são imprescindíveis dentro do Panorama Literário Nacional. Restringindo-me a Josué Matos, posso afirmar que ele é uma peça fundamental para acabar com o preconceito de que a Literatura Nacional é inferior. Josué Matos é um autor que não deixa nada a desejar se comparado a escritores estrangeiros. Posso até afirmar que seu livro supera a qualidade literária de muitos escritores de outros países.
Fiquei tão feliz com a leitura que o meu desejo é permanecer como parceiro da Editora PenDragon até a morte e se caso, esse desejo me for negado, terei que comprar todos os livros de Josué Matos. Ele é um autor que não pretendo largar nessa minha breve existência.
Espero que você tenha gostado da minha resenha. Já perceberam que a classificação dessa leitura é CINCO ESTRELAS no Skoob, não é? Na realidade, gostaria de conceder estrelas infinitas.
Nos comentários, peço que deixem a opinião de vocês. Amo saber o que vocês pensam.
Para adquirir o livro, clique aqui
Quer um desconto na obra? Torne-se seguidor desse blog, inscreva-se no meu canal do youtube, clicando aqui. Depois fale comigo e eu arrumo um desconto de 5% para vocês!
Abraços e até a próxima!!!

14 comentários:

  1. Wow! Que bela resenha, fiquei sem palavras, só tenho a agradecer, obrigado filósofo, obrigado Fernando. Deixou esse autor, feliz!

    ResponderExcluir
  2. Wow! Que bela resenha, fiquei sem palavras, só tenho a agradecer, obrigado filósofo, obrigado Fernando. Deixou esse autor, feliz!

    ResponderExcluir
  3. Fernando eu li esse livro e simplesmente o achei maravilhoso. O )ivro FEY é ainda melhor do que esse. Sinto que o livro mexeu com o seu interior. Tocou no mais profundo âmago de sua alma, que bom meu amigo é tão prazeroso quando ocorre isso com a gente né. Parabéns tua resenha tá perfeita. Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Então prepare-se meu amigo tu vais delirar. O livro FEY foi um dos melhores livros que eu já li, nessa minha existência. Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Cara, que resenha perfeita!!! O LIVROS em si é tudo isso mesmo, e quem já leu sabe que você não tá exagerando. Na verdade, Josué Matos foi uma das descobertas Literárias que mais adorei no cenário nacional. Seus livros estão no meu top ten do ano.

    Novamente, parabéns pela resenha. Conseguiu passar pra gente o teu sentimento após a leitura e a o conteúdo dela que o fez sentir tudo o que falou.

    Um forte abraço e boa sorte. Rsss. Sim, boa sorte porque vai precisar. O livro Fey certamente vai te fazer deliciar mesmo. Então, Josué ainda vai te deixar mais surpreendido ainda. Fui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado,meu amigo!!
      Estou começando a acreditar que terei orgasmos múltiplos com a nova leitura, kkkk
      Abraços!

      Excluir
  6. Muito bom a resenha Fer. Parabéns ao autor e a vc. Sempre arrebentando.

    ResponderExcluir
  7. Oi querido que bela resenha parabéns amo esse livro, e o autor nossa é uma pessoa incomparavel.

    ResponderExcluir
  8. Ual Nando já amei o livro por ser de mistério amo. sua resenha está maravilhosa parabéns.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante para mim.
Deixe sua opinião, pois vou amar saber o que você pensa!