Sejam bem-vindos(as) e sintam-se convidados(as) a participar do blog Filósofo dos Livros com sugestões, comentários, críticas, dúvidas, compartilhamentos ou só com um “oizinho” de vez em quando!

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Renovação da Parceria com o autor Pablo Madeira

Olá, Galera!!! 
Com grande alegria, venho comunicar que minha parceria com o talentosíssimo autor Pablo Madeira foi renovada. Vejam o post da primeira parceira com ele, clicando aqui.
Com o decorrer dessa postagem, vocês encontrarão muitas novidades. Acompanhem com atenção e deliciem-se, pois só temos coisas boas para mostrar a vocês!!!

Livro: “Sem Amor, só a Lou(cura)” – Dalle Piagge Editora 
Lançamento: 28/07/2016 na Livraria Leitura de Juiz de Fora (MG) 


Sinopse: "Com uma linguagem ímpar, misturando amizades, amores, decepções e dores incuráveis, Pablo Madeira nos apresenta um retrato da vivência humana, de seu interior mais solitário, ambicioso e inacreditável. Cada texto foca em um sentimento e tema que nos obriga a ponderar sobre a vida e o seu sentido real, como se realmente pudéssemos encontrar qualquer significado em meio ao nosso caos mental. A maturidade e desenvolvimento ao longo de sua carreira é evidente e formidável." (Trecho extraído do prefácio que foi escrito pela autora L.L Alves). 


Orelha do Livro: "Pablo Madeira reuniu algumas crônicas para nos apresentar o dia a dia de pessoas desconhecidas, seus medos, alegrias, dúvidas e tristezas. Com uma narrativa leve e ao mesmo tempo realista, ele consegue nos prender e cativar com uma leitura rápida, que nos faz refletir sobre a vida. Eu adorei e tenho certeza que você também irá se encantar!" (Camila Deus Dará, autora da trilogia Ninho de Fogo) 
"Pablo tem uma escrita fofa e simples. Faz com que o texto seja fluido e gostoso de se ler. Descreve bem, sem deixar a narrativa arrastada ou cansativa. Suas histórias são envolventes e nos levam para dentro das páginas junto com os personagens." (Tatiane Durães, autora da trilogia Arcantatys) 
"Assim que abri o livro, viajei para um mundo introspectivo e entrei em contato com uma velha amiga: a solidão. Sentados frente a frente, com uma xícara de café na mão embaixo do céu cinzento, nos encaramos por um tempo e depois começamos a refletir sobre cada lágrima, cada suspiro, cada angustia, cada sentimento emergido em mim durante a vida, porém, desta vez, consegui ver minhas tristezas com outros olhos... Vi que superei muita coisa e que todos esses sentimentos podem ser ressignificados para mostrar o quanto somos fortes! Foi esse efeito que as crônicas de Pablo Madeira causaram em mim." (Renan Merlin, autor de Não Tão Primos e Diário de Patt.) 

Biografia do Autor: Pablo Madeira nasceu em abril de 1992, começou a gostar de livros aos 15 anos de idade e, desde então, não conseguiu passar mais um dia sem ler. O autor mora em Juiz de Fora, Minas Gerais, e é estudante de Psicologia. Seu primeiro livro, “Clér”, foi publicado em 2015 e emocionou vários leitores. “Sem Amor, só a Lou(cura)” é a sua segunda obra literária, mas o autor já está trabalhando em seu próximo livro. 

Redes Sociais: 
Instagram: @pablomadeira_ 
Snapchat: pablo.madeira 

*** 


Livro: “Clér”, lançado em dezembro de 2015 (primeira edição pela Editora Deuses e segunda edição em 2016 pela Editora Angels Publishing

Sinopse: A decisão de sair da casa dos seus pais e ir morar com a sua tia em outra cidade foi necessária para Rodrigo. O jovem não suportava mais conviver com os problemas alcoólicos de seu pai e ser feliz era algo que não podia mais ser adiado. Se assumir homossexual não era uma das escolhas mais fáceis, já que seu pai sempre dizia que jamais teria um filho gay. Além das novas amizades e do primeiro emprego, Rodrigo irá sentir pela primeira vez o tão falado “amor à primeira vista” ao conhecer o jovem Clér. Mas nem tudo é o que parece e Rodrigo vai aprender que o preconceito pode existir em qualquer lugar e que, por esse motivo, às vezes precisamos guardar alguns segredos. Com uma escrita leve, o autor nos mostra de maneira direta uma realidade vivida por muitos. Uma história para rir e chorar. Impossível parar de ler. 

Orelha do Livro: (...) Se você se importar com o que as pessoas pensam ao seu respeito você jamais será feliz. Algumas pessoas aqui também são iguais ao seu pai. Esse tipo de gente existe em todo lugar, o preconceito sempre existiu e é por isso que você precisa erguer a cabeça e mostrar que você é um ser humano como outro qualquer. Essas pessoas não sabem nada da sua vida, não deixe que elas intimidem você.

Gostaram? Eu adorei e agradeço ao Pablo pela confiança depositada. Muito feliz com a renovação dessa parceria!!!
Abraços e até breve!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para mim.
Deixe sua opinião, pois vou amar saber o que você pensa!