Sejam bem-vindos(as) e sintam-se convidados(as) a participar do blog Filósofo dos Livros com sugestões, comentários, críticas, dúvidas, compartilhamentos ou só com um “oizinho” de vez em quando!

segunda-feira, 31 de julho de 2017

De onde veio a expressão "Até tu, Brutus"?


Olá, Galera Literária!
Fuçando a internet, deparei-me com esse artigo que explica a origem de uma expressão muito utilizada. Resolvi compartilhar com vocês.

A expressão que demonstra admiração tem uma origem bastante curiosa e ligada à história. 
Uma pessoa trair a confiança de outra é algo tão antigo que é comum dizer uma frase com mais de 2 mil anos de existência na hora de mostrar surpresa com as atitudes de alguém: "Até tu, Brutus?" 
Segundo o professor de língua portuguesa Ari Riboldi, a frase remete a uma famosa história da Idade Antiga. No século I A.C., o imperador romano Júlio César foi vítima de uma conspiração de senadores para tirá-lo do cargo. Entre eles estava o seu filho adotivo Marcus Brutus. 
O complô resultou no assassinato do imperador a punhaladas pelo grupo de senadores. Na hora da morte, Júlio César reconheceu o filho entre os seus algozes e proferiu a frase. "Até tu, Brutus, filho meu?". "É uma frase célebre que, com o tempo, adquiriu um sentido simbólico", afirma Riboldi. 

Gostaram? Deixe nos comentários a opinião de vocês. 
Também peço que conheçam e inscrevam-se no Canal Literário Filósofo dos Livros, é só clicar aqui.
Abraços!

2 comentários:

  1. Que legal essa curiosidade!!! Eu acho que já tinha lido algo desse tipo mas foi a tanto tempo que nem me lembrava mais kk
    Parabéns pelo post ;-)
    ateoriadaslaranjas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante para mim.
Deixe sua opinião, pois vou amar saber o que você pensa!